Onde a poesia tem cheiro de café...

terça-feira, 24 de março de 2015

Caminhos e Destinos

Com 0 Comentario
Para que servem as ruas?
Elas não me levam mais até ela (e).
Que lástima!
Para que tantos caminhos?
Quem eu amo não virá por nenhum deles.
In memoriam
Nair dos Santos (mãe).
Elias Alencar Alves (meu velho amigo poeta).

+1

0 comentários :

Postar um comentário

Postagens populares